A festa julina da APAE de Vitória foi um sucesso de público no sábado passado (28/07). O \”Arraiá da Amizade\” contou com dança típica dos assistidos do Centro de Atendimento Educacional Especializado (CAEE), quadrilha e dança dos aprendizes do Centro de Convivência, grupo convidado da Serra e  um quadrilhão reuniu atendidos, suas famílias e funcionários.

O arraiá começou às 14 horas, com música ao vivo e sanfoneiro. As barracas de comidas típicas ofereciam bolo de aipim, de cenoura com cobertura, de prestígio, de churros, torta de amendoim, cuscuz, empadão, crepe, canjica, caldo, pé-de-moleque, cocada e refrigerante. Mas a barraca preferida dos assistidos foi a pescaria, com fila constante. 

A dança de forró dos aprendizes do Centro de Convivência abriu as apresentações. Em seguida, o grupo convidado Disse me Disse, da Serra, apresentou quadrilha com os componentes vestidos com lindas roupas típicas. A dança \”Festa no interior\”, com os assistidos do CAEE, veio logo depois. As crianças deram um show de ritmo. E então chegou a vez da quadrilha do Centro de Convivência.

No final, as famílias, assistidos e funcionários formaram uma quadrilha, com muita animação. 

A quadra foi enfeitada com carinho, num mutirão de funcionários. Os aprendizes produziram enfeites de mesa e um mural de cidade do interior na Oficina de Arte do professor Luciano Cardoso. O trabalho deixou a quadra mais colorida, com pinturas de casario antigo.

Mas essa festa só foi possível graças à ajuda de amigos e parceiros. Agradecemos a todos que contribuíram de alguma forma para a realização do evento. Obrigada a quem mobilizou condomínio, a turma da escola e faculdade,  às empresas que doaram pão e outros ingredientes, material gráfico, às mães e profissionais que ajudaram na confecção dos quitutes. Obrigada pelo gesto de solidariedade!